Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01037568

Prémio Nacional Agricultura Encontros Think Tank

Prémio Nacional Agricultura Encontros Think Tank

No âmbito do Prémio Nacional de Agricultura 2016 e 2017, o BPI, parceiro das empresas agrícolas e agroindustriais, disponibiliza as principais conclusões dos encontros de reflexão sobre a agricultura.

Atualidade Agricultura

Youtube - Subscreva o nosso canal

Dynamic Lab - Xylella Fastidiosa

A Xylella Fastidiosa é uma bactéria que afeta essencialmente o olival, mas também amendoal, vinha e outras árvores de fruto.

Apesar de ainda não ter sido detetada em Portugal, existe já em Itália, França e Espanha, sendo necessário apostar na prevenção e unir esforços no sentido de encontrar soluções que controlem a propagação da doença e permitam a sustentabilidade das atividades agrícolas.

Ana Paula Carvalho - Direção Geral de Alimentação e Veterinária

Direção Geral de Alimentação e Veterinária - Ana Paula Carvalho

Apostando na prevenção, as autoridades portuguesas estão a atuar através de inspeções a várias culturas e colheita de amostras para análise.
Considerando as consequências e medidas de resolução, muito duras para os agricultores portugueses, são muito importantes as restrições de movimentação de plantas vivas, dado que é uma das formas mais rápidas de transmissão da doença.

Blanca Landa del Castillo - Instituto de Agricultura Sostenible de Córdoba

Instituto de Agricultura Sostenible de Córdoba - Blanca Landa del Castillo

O grande problema desta bactéria é ter várias formas de ser transmitida e se manifestar em mais 350 espécies vegetais.
Sendo um organismo de quarentena dificulta a investigação, tornando-a mais cara dada as condições de segurança necessárias.

Francisco Pavão - Confedereção de Agricultores de Portugal

Confedereção de Agricultores de Portugal - Francisco Pavão

A Xylella é uma grande preocupação para os produtores uma vez que não há, ainda, um mecanismo de cura.
As normas em vigor definem, caso seja detetada, o arranque total das culturas e o impedimento de cultivo nos 5 anos seguintes. Na região Norte, significa que os agricultores teriam de mudar radicalmente de profissão.

Universidade de Évora - Maria do Rosário Félix

Universidade de Évora - Maria do Rosário Félix

O maior desafio é conseguir proteger as culturas deste patogénico grave que, inevitavelmente, chegará a Portugal, afetando culturas muito características como olival, amendoal e vinha.
No curto prazo espera-se que haja já pequenas oliveiras inoculadas com o vetor que está a ser desenvolvido, que uma vez introduzido na planta se replica e ativa o seu mecanismo de defesa.

Oleum Universalis - Pepe Ocaña

Oleum Universalis - Pepe Ocaña

Como produtor a preocupação está na ameaça de uma doença que ainda não se sabe quando chegará a Portugal nem como será a convivência com esta bactéria.
O primeiro apoio seria para a reconversão para outras culturas não suscetíveis de serem afetadas, uma vez que a medida a implementar será o arranque das culturas, perdendo a produção e a forma de sobrevivência dos agricultores.

BPI - Pedro Siragusa Oliveira

BPI - Pedro Siragusa Oliveira

O setor agrícola tem apresentado um desenvolvimento crescente tornando-se muito relevante para a economia nacional.
O Prémio Nacional de Agricultura, que o BPI apoia, permite divulgar os bons exemplos que existem, dando mais destaque ao setor e ao dinamismo do empreendedorismo e envolvimento dos jovens agricultores.

 

Dynamic Lab - A Inovação na Agricultura

No âmbito do Prémio Nacional Agricultura, o BPI participou num encontro sobre a Inovação na Agricultura - Apoio à Inovação, Perspetivas Comunitárias, Tendências de Inovação, em que o Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural avançou com uma série de propostas do Governo de apoio à inovação, como a criação de uma Rede Nacional de Experimentação Agrária.

Inovação na Agricultura: Programas de Apoio

A dinâmica da inovação e investigação, entidades com maior participação nas parcerias dos Grupos Operacionais e Redes colaborativas.

Inovação na Agricultura: Programas de Apoio
Ana Sançana - Lousamel

Lousamel - Ana Sançana

Para Ana Sançana todas as iniciativas que promovam a transferência de conhecimentos e aproximem os agricultores são muito importantes pois permitirão, com os mesmos recursos, aumentar a produção e diminuir gastos energéticos.
Através destas inovações o próprio setor agrícola ganhará destaque a nível das exportações.

José Tomaz Castello Branco - Cerfundão

Cerfundão - José Tomaz Castello Branco

A agricultura é cada vez mais uma atividade especializada onde a introdução de novas práticas e novas técnicas é fundamental para os agricultores conseguirem gerar mais valor.

Luís Capoulas Santos - Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural

Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural - Luís Capoulas Santos

Num mundo cada vez mais competitivo, a tecnologia e a inovação ocupam um papel importante.
A agricultura portuguesa é um bom exemplo do elevado grau de sofisticação existindo várias experiências positivas. Mas a inovação não para e é necessário, todos os dias, ir mais além.

BPI - Pedro Barreto

BPI - Pedro Barreto

O Prémio Nacional de Agricultura permite conhecer os melhores e mais inovadores projetos que existem em Portugal na agricultura.
Mais do que o aumento exponencial das candidaturas é de realçar a qualidade dos projetos que têm sido premiados.

 

Segundo Encontro Think Tank - Regadio vs Sequeiro

O segundo debate realizado no âmbito do Prémio Nacional de Agricultura foi dedicado à temática das culturas de regadio e de sequeiro, nomeadamente a aposta crescente na sustentabilidade da utilização da água na agricultura.

Retrato da Agricultura em Portugal

Caraterização das culturas de sequeiro e de regadio em Portugal, comparando com alguns países europeus.

Retrato da Agricultura em Portugal
Consulai – Pedro Santos

Consulai – Pedro Santos

Os agricultores de hoje, para além dos filhos de agricultores, são também novas investidores, com formações muito variadas, com fundos de investimento nacionais e internacionais, levando à maior necessidade de apoio por parte da Consulai.
Pedro Santos destaca ainda que a grande maioria das explorações em Portugal são mistas, considerando muito virtuosa a complementaridade dos dois tipos de culturas: regadio e sequeiro.

Associação de Regantes do Vale da Vilariça – Fernando Brás

Associação de Regantes do Vale da Vilariça – Fernando Brás

Para além da variedade de culturas, que traz maior competitividade aos produtores do Vale da Vilariça, as novas tecnologias associadas à cultura de regadio, têm permitido efetuar leituras na sede da Associação, reduzindo custos de deslocações. É também possível aproveitar as leituras instantâneas para que, numa atitude pedagógica, a Associação possa ajudar os produtores a gerir melhor a utilização da água.

Carnalentejana – Fernando Albino

Carnalentejana – Fernando Albino

A Carnalentejana é um agrupamento de produtores que aposta na preservação do ambiente e na certificação, como forma de transparência da segurança alimentar.
Para Fernando Albino, o sucesso empresarial da agricultura portuguesa depende muito do elevado grau da existência de regadio, que apesar de implicar mais investimentos, permite responder melhor às exigências do mercado.

BPI - Maria Celeste Hagatong

BPI - Maria Celeste Hagatong

O regadio exige mais investimento, porque a agricultura é mais intensiva e, por isso, precisa de mais tecnologia e mais gestão. Contudo, leva também ao aparecimento de projetos melhor estruturados, sendo esta uma característica muito relevante para os agricultores que procuram financiamento.

 

Primeiro Encontro Think Tank - Agricultura Biológica

No âmbito do Prémio Nacional de Agricultura, o BPI participou num encontro sobre Produção Bio com o objetivo de debater as características deste tipo de produção, a crescente adesão de produtores e consumidores e as perspetivas de crescimento esperadas.

Agricultura Biológica no Mundo

Área cultivada de forma biológica por país (e consumo per capita de produtos bio) e percentagem de terreno cultivado por grupo de alimentos em hectares.

Agricultura Biológica no Mundo
Agrobio - Jaime Ferreira

Agrobio - Jaime Ferreira

Jaime Ferreira, da Associação Portuguesa de Agricultura Biológica (Agrobio), defende o desenvolvimento da produção em várias áreas/subsetores da agricultura biológica, que têm potencial para crescer tanto no mercado nacional, como no mercado externo.

Symington - Miguel Potes

Symington - Miguel Potes

A produção biológica é valorizada no mercado interno e no mercado externo, com uma tendência crescente. Para Miguel Potes, Diretor de Comunicação do grupo Symington, empresa familiar que produz vinho biológico: “Existe prestígio e mais-valias comerciais e de imagem para uma empresa que tenha um modo de produção biológico. Não é algo que se possa medir, mas sentimos que nos tem trazido benefícios muito fortes."

SGS Portugal - Adriana Moura

SGS Portugal - Adriana Moura

A SGS é líder mundial em inspeção, verificação, testes e certificação, em vários setores, atuando também no contexto da agricultura biológica. As empresas de certificação combatem fraudes e atestam que o alimento é seguro. Desta forma, garante também uma concorrência leal num mercado competitivo e que está a crescer..

Biofrade - Henrique Gomes

Biofrade - Henrique Gomes

A Biofrade produz em modo biológico tendo comercializado, em 2015, três mil toneladas de produtos biológicos. Para Henrique Gomes, Portugal tem “potencial e condições do solo e climatéricas para produzir os melhores produtos do Mundo”.

BPI - Maria Celeste Hagatong

BPI - Maria Celeste Hagatong

O BPI tem apostado neste setor que está em crescimento e com uma forte dinâmica. Para a Administradora do BPI “a agricultura é, talvez, um dos setores que hoje em dia requer mais técnica e mais profissionalismo”, demonstrado pela integração deste tema na formação superior. Esta importância é reconhecida pelas escolas e institutos politécnicos e pelos agricultores que procuram formação específica.