Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01055097

Conjunto de Vinhos João Portugal Ramos

Aproveite as Soluções de Crédito BPI e não perca a oportunidade de adquirir um conjunto de vinhos João Portugal Ramos lançado exclusivamente em parceria com o BPI.

Conjunto de Vinhos João Portugal RamosZoom

Conjunto de Vinhos João Portugal Ramos

Caixa personalizada de madeira

Duorum O. Leucura Tinto 2011Zoom

Duorum O. Leucura Tinto 2011

Foz de Arouce Vinhas Velhas Santa Maria Tinto 2013Zoom

Foz de Arouce Vinhas Velhas Santa Maria Tinto 2013

Marquês de Borba Reserva Tinto 2014Zoom

Marquês de Borba Reserva Tinto 2014

Duorum Reserva Vinhas Velhas Tinto 2015Zoom

Duorum Reserva Vinhas Velhas Tinto 2015

Quinta da Viçosa Tinto 2015Zoom

Quinta da Viçosa Tinto 2015

João Portugal Ramos Alvarinho Reserva Verde 2015Zoom

João Portugal Ramos Alvarinho Reserva Verde 2015

João Portugal Ramos Alvarinho Espumante Reserva 2014Zoom

João Portugal Ramos Espumante Alvarinho Reserva Bruto Natural 2014

João Portugal Ramos Pinot Noir Tinto 2015Zoom

João Portugal Ramos Pinot Noir Tinto 2015

Duorum Vintage Port Vinha de Castelo Melhor 2013Zoom

Duorum Vintage Port Vinha de Castelo Melhor 2013

João Portugal Ramos Alvarinho Verde 2016ZoomOferta

João Portugal Ramos Alvarinho Verde 2016 - Magnum (150 Cl)

Voucher João Portugal RamosZoomOferta

Voucher de prova de vinhos e visita à Adega para 2 pessoas

O Conjunto de Vinhos João Portugal Ramos é constituído por 14 garrafas + 1 garrafa de oferta e é apresentado numa caixa personalizada de madeira. Todas as garrafas possuem embalagens unitárias.

  • 2 Duorum O. Leucura Tinto 2011 (75 Cl)
  • 1 Foz de Arouce Vinhas Velhas Santa Maria Tinto 2013 (75 Cl)
  • 1 Marquês de Borba Reserva Tinto 2014 (75 Cl)
  • 2 Duorum Reserva Vinhas Velhas Tinto 2015 (75 Cl)
  • 1 Quinta da Viçosa Tinto 2015 (75 Cl)
  • 2 João Portugal Ramos Alvarinho Reserva Verde 2015 (75 Cl)
  • 2 João Portugal Ramos Espumante Alvarinho Reserva Bruto Natural 2014 (75 Cl)
  • 2 João Portugal Ramos Pinot Noir Tinto 2015 (75 Cl) 
  • 1 Duorum Vintage Port Vinha de Castelo Melhor 2013 (75 Cl) 

Condições de Financiamento

O produto só pode ser adquirido com o seu Cartão de Crédito BPI (Particular ou Empresa).

A TAEG/TAE é variável em função do Cartão de Crédito BPI utilizado para pagamento.

Cartão BPI - TAEG 14,0%, TAN 10,8%, anuidade € 20. Cartão BPI Gold - TAEG 16,4%, TAN 11,6%, anuidade € 50. Cartão Premier - TAEG 12,7%, TAN 9,75%, anuidade € 29,97.
Cartão BPI Prémio - TAEG 14,8%, TAN 12,5 %, anuidade € 14. Cartão BPI Campeões - TAEG 14,9%,TAN 12,9%, anuidade € 12,50. Cartão FC Porto - TAEG 14,9%, TAN 12,9%, anuidade € 12,50.
Cartão ACP Master - TAEG 13,5%, TAN 9,7%, anuidade € 24. Cartão BPI Zoom - TAEG 14,9% a 16,4%, TAN 10,9% a 13,5%, anuidade € 10 para Não Clientes BPI.

TAEG calculadas para uma utilização de crédito de € 1.500 (excepto para o Cartão BPI Gold e para o Cartão Premier, em que o exemplo é de € 2.500), para as anuidades acima referidas e reembolso em 12 prestações iguais de capital, acrescidas de juros às TAN acima referidas e dos impostos legais em vigor. A taxa de juro é calculada com base em 360 dias, sem arredondamento.

Cartão BPI Business e BPI Corporate TAE versões Classic: 18,9%, TAN 16%, anuidade € 20, TAE versões Gold: 20,5%, TAN 16%, anuidade € 37,50. TAE calculada, para um exemplo de crédito de € 1.500, TAN e anuidades referidas, prazo de 12 meses e reembolso único no final do prazo, nos termos do DL 220/94. A taxa de juro é calculada com base em 360 dias, sem arredondamento.

O valor do PVP será processado como uma transacção de compra no extracto do seu cartão de crédito e o pagamento será realizado de acordo com a modalidade de pagamento definida.

O BPI reserva-se o direito de não processar o pedido, caso o seu cartão não se encontre em situação regular.

Campanha limitada ao Stock existente.

PVP: € 395,00

Outras Características

Duorum O. Leucura Tinto 2011

  • Classificação: DO DOURO
  • Notas de Prova: Cor vermelha muito profunda e densa. Aroma intenso e complexo, dominado pelos frutos pretos maduros, como amora e o "cassis", pelos aromas florais, como a violeta e complexado pelos aromas provenientes da sua "elevage" em barrica. Notam-se ainda alguns aromas característicos da evolução na garrafa, que contribuem para aumentar ainda a sua grande complexidade.
    É um vinho concentrado, denso, de elevada estrutura. Possui uma acidez equilibrada, taninos firmes e muitos maduros, bem envolvidos no seu corpo e volume. O seu equilíbrio encontra-se num conjunto de sensações, onde a concentração, a riqueza e pujança se tornam decisivas. Estas características, em conjunto com a grande intensidade do seu aroma retronasal, conferem-lhe um final de grande persistência, que permite prever uma longa evolução.
  • Castas: "Field Blend" de Vinhas Velhas com predominância de Touriga Nacional e Touriga Franca.
  • Notas de Vinificação: As uvas provenientes das vinhas velhas são submetidas a uma triagem/escolha à chegada à adega, sendo posteriormente desengaçadas. Segue-se a maceração pré-fermentativa a baixa temperatura com pisa robotizada em lagares de inox. São de seguida conduzidas para cubas de inox com temperatura controlada onde terminam a fermentação alcoólica. A vinificação termina com uma longa maceração pós-fermentativa. Estágio em barricas de 225 litros de carvalho francês durante cerca de 24 meses. Utilização de 70% de barricas de carvalho novo e 30% de carvalho de 2º e 3º ano.
  • Teor de Álcool: 14%
  • Prémios / Referências:
    Colheita 2011:
    Livro Vinhos de Portugal 2016 por João Paulo Martins - indicado para a selecção "Melhores do Ano"
    Wine Spectator: 94 pontos
    Wine Enthusiast: 94 pontos e CELLAR SELECTION
    eRobertParker/The Wine Advocate: 93

Foz de Arouce Vinhas Velhas Santa Maria Tinto 2013

  • Classificação: Vinho Regional Beira Atlântico
  • Notas de Prova: Muito concentrado, aroma de ameixa e frutos vermelhos, com notas de especiaria e tabaco. Poderoso na boca, denso e com taninos bem envolvidos. Final longo e persistente. Um vinho de guarda.
  • Castas: Baga
  • Notas de Vinificação: Desengace total e fermentação em lagar e inox com controlo de temperatura, longa maceração pós fermentativa. Fermentação maloláctica em barrica. Estágio de 9 meses em pipas de carvalho francês.
  • Teor de Álcool: 13,5%
  • Referências/Prémios:
    Colheita 2013:
    e.Robert Parker - The Wine Advocate - 90 +
    Wine Enthusiast - 93
    Colheita 2011:
    eRobertParker/ The Wine Advocate:94 pontos
    Wine Enthusiast: 93 pontos
    Wine & Spirits: 92
    Revista de Vinhos: 17,5 pontos 

Marquês de Borba Reserva Tinto 2014

  • Classificação: DOC Alentejo
  • Notas de Prova: Retinto. Excelente concentração aromática. Notas de frutos vermelhos, especiarias e compotas. Potente e elegante. Sólido, vigoroso, e com taninos muito compactos esmagados pelo corpo. Longo e distinto final. Vinho de guarda.
  • Castas: Trincadeira, Aragonez, Alicante Bouschet e Cabernet Sauvignon
  • Notas de Vinificação: As uvas são parcialmente desengaçadas e fermentadas em lagares de mármore com a tradicional pisa a pé. Segue-se a fermentação malolática que decorre em barricas de 2º ano. Estágio de 18 meses em meias pipas novas de carvalho francês.
  • Teor de Álcool: 14%
  • Referências/Prémios:
    Colheita 2012:
    Pelo 2º ano consecutivo considerado "O Melhor Vinho do Alentejo"
    Revista de Vinhos: Excelência 2014
    Revista de Vinhos: 18,5 pontos
    Wine Enthusiast: 92 pontos
    eRobertParker/The Wine Advocate: 92 pontos
    Wine & Spirits: 90 pontos

Duorum Reserva Vinhas Velhas Tinto 2015

  • Classificação: DOURO DOC
  • Notas de Prova: Cor vermelha profunda e densa. Aroma intenso, concentrado e complexo, dominado pelos frutos pretos maduros, como amora, cassis, groselha, aromas florais a violeta, e aromas de madeiras exóticas. A sua complexidade, que tende a aumentar com o tempo, provém dos aromas originados pela sua "élevage" em barricas. Acidez presente, taninos firmes mas maduros, bem envolvidos no seu corpo e volume. Todas as caraterísticas aliadas ao seu aroma retronasal, originam um vinho cheio, intenso e de grande persistência final.
  • Castas: Vinhas Velhas com predominância de Touriga Nacional (45%), Touriga Franca (45%), Tinta Roriz (5%) e Sousão (5%).
  • Notas de Vinificação: As uvas provenientes das vinhas, a maioria das quais muito velhas com cerca de 100 anos, são submetidas a uma triagem/escolha à chegada à adega, sendo posteriormente desengaçadas. Segue-se a maceração pré-fermentativa a baixa temperatura com pisa robotizada em lagares de inox. São de seguida conduzidas para cubas de inox com temperatura controlada entre 25e 28º onde terminam a fermentação alcoólica. Durante esta procedem-se aos habituais trabalhos de remontagem e "delestage" que visam a extracção rigorosamente selectiva e restringida aos constituintes desejados. A vinificação termina com a maceração pós-fermentativa. As massas permanecem em contacto com o mosto até ao máximo de 18 dias.
  • Teor de Álcool: 14%
  • Referências/Prémio:
    Colheita 2015:
    6º Concurso de Vinhos do Douro Superior - Ouro
    Colheita 2012:
    Wine Enthusiast: 93
    Revista Wine: 17,5
    Wine & Spirits: 90
    eRobert Parker - Wine Advocate: 90
    Wine Spectator: 91
    Concurso Vinhos de Portugal 2016 (Maio 2016): Grande Medalha deOuro/Great Gold Medal 

Quinta da Viçosa Tinto 2015

  • Classificação: Vinho Regional Alentejano
  • Notas de Prova: Cor violeta profunda e densa. Aroma intenso e profundo, dominado por notas de frutos vermelhos bem maduros. Na boca, sólido e vigoroso, e com taninos muito compactos. Uma acidez bem envolvida, que em conjunto com o seu aroma retronasal, lhe conferem grande elegância e um distinto final.
    Um vinho de guarda.
  • Castas: Touriga Nacional, Merlot
  • Notas de Vinificação: As uvas são desengaçadas e fermentadas em lagares de mármore com a tradicional pisa a pé. A fermentação termina em cubas de inox com temperatura controlada. A fermentação malotática é feita em barricas de carvalho francês. Estágio: 12 meses de estágio em barricas novas de carvalho francês
  • Teor de Álcool: 14,5 %
  • Referências/Prémios:
    2009 - eRobert Parker - The Wine Advocate - 92
    2011 - eRobert Parker - The Wine Advocate - 91
    2012 - eRobert Parker - The Wine Advocate – 92+ 

João Portugal Ramos Alvarinho Reserva Verde 2015

  • Classificação: Vinhos Verde DOC – Sub-Região de Monção e Melgaço
  • Notas de Prova: Aroma muito elegante e sóbrio, com um perfeito equilíbrio entre a mineralidade, a madeira e as notas frutadas e florais. Intenso e longo final de boca
  • Castas: 100% Alvarinho
  • Notas de Vinificação: Após o esmagamento ocorreu uma maceração pelicular, seguindo-se uma prensagem suave e uma maceração longa, a baixa temperatura com borra. Posteriormente, o mosto foi clarificado por decantação. Fermentação em barricas de carvalho francês de 2 e 3 anos onde permaneceu sobre as borras durante 10 meses
  • Teor de Álcool: 13%

João Portugal Ramos Espumante Alvarinho Reserva Bruto Natural 2014

  • Classificação: Vinho Espumante de Qualidade – Método Clássico - Sub-Região de Monção e Melgaço
  • Notas de Prova: De bolha fina e persistente, é muito elegante e harmonioso, com um longo final marcado pela mineralidade típica da casta que lhe deu origem
  • Castas: 100% Alvarinho
  • Notas de Vinificação: As uvas foram sujeitas a uma prensagem suave. Após clarificação por decantação estática, ocorreu a fermentação alcoólica a cerca de 15ºC, obtendo-se o vinho base espumante. 15% do lote fermentou em barricas de carvalho francês de 3 e 4 anos onde permaneceu sobre as borras durante 8 meses. Após estabilização tartárica do vinho base, seguiu-se a tiragem para a segunda fermentação em garrafa (método tradicional Champanhes). O estágio em garrafa sobre as borras da segunda fermentação foi de aproximadamente 20 meses
  • Teor de Álcool: 12%

João Portugal Ramos Pinot Noir Tinto 2015

  • Classificação: Regional Alentejano
  • Notas de Prova: Vinho de cor rubi, aroma com notas de fruta madura e doce muito bem integrados com a madeira onde estagiou. Na boca revela-se redondo e volumoso com final rico, persistente fresco e elegante.
  • Castas: 100% Pinot Noir
  • Notas de Vinificação: As uvas são arrefecidas numa camara frigorífica dentro das caixas de 15 kg, são depois desengaçadas e pisadas em lagares de mármore onde é iniciada a fermentação, que terminada em cubas de inox com controlo de temperatura. Estágio 12 meses em pipas de carvalho francês
  • Teor de Álcool: 13,5%

Duorum Vintage Port Vinha de Castelo Melhor 2013

  • Classificação: DO PORTO
  • Notas de Prova: Cor vermelha, muito intensa e profunda. Aroma elegante e muito exuberante, dominado pelos frutos pretos muito maduros como amora, ameixa e groselha, onde se notam igualmente alguns aromas balsâmicos como a esteva e resinas e florais como a violeta. Apresenta uma grande estrutura, com taninos firmes e maduros, muito encorpado, com uma acidez bem equilibrada, tudo bem envolvido no seu corpo. Este conjunto proporciona um final muito persistente, harmonioso e de grande elegância
  • Castas: Vinhas Velhas com predominância de Touriga Nacional (40%), Touriga Franca (40%), Tinta Roriz (10%) e Sousão (10%)
  • Notas de Vinificação: Inicia-se com a maceração pré-fermentativa à temperatura de 10-12ºC. Segue-se a fermentação em lagares de inox com pisa robotizada a temperatura controlada que não excede os 30ºC, proporcionando uma boa extracção dos constituintes presentes nas películas. A intensidade aromática e a sua elegância devem-se à dominância das castas Touriga Franca, Touriga Nacional e à presença de muitas outras castas nobres do Douro de vinhas muito velhas com mais de 100 anos. A Tinta Roriz e o Sousão contribuem de uma forma significativa para a sua estrutura, concentração e persistência. No sentido de optimizar a qualidade e o perfil desejado, procedeu-se a uma criteriosa selecção qualitativa da aguardente que se diferenciou pela sua elegância organoléptica. Este lote de aromas em conjunto com os provenientes da forte extracção, origina a intensidade e elegância próprias de um Vintage.
    Estágio: Maturação/"élevage" em vasilhas de carvalho. Durante este período o vinho é sujeito a trasfegas, análises e provas que permitem acompanhar a sua evolução e definir o lote final
  • Teor de Álcool: 20%

João Portugal Ramos Alvarinho Verde 2016 - Oferta

  • Classificação: Vinhos Verde DOC – Sub-Região de Monção e Melgaço
  • Notas de Prova: Cor citrina. Aroma intenso, cítrico e floral, com notas minerais e de frutos tropicais. Elegante e envolvente, termina com notas minerais num longo final de boca
  • Castas: 100% Alvarinho
  • Notas de Vinificação: Após uma maceração pré-fermentativa a baixa temperatura, as uvas são prensadas e o mosto clarificado. A fermentação decorre a temperatura controlada de 16ºC, durante duas a três semanas. 10% do mosto é fermentado em barricas novas de carvalho francês
  • Teor de Álcool: 13,5%
Ofertas
Entrega, Cancelamento e Devolução
Fornecedor
João Portugal Ramos