Perguntas Frequentes <img src="/contentservice/getContent?documentName=pr_wcs01_ucm01085659" alt="BPI Family Crédito" style="padding-left: 0px; padding-bottom: 10px; margin-top: -10px; height: 18px; display: block">   <span style="font-size: 36px">Crédito Formação</span>
 
Definições
O que é Indexante?

Taxa de juro utilizada como referência nos empréstimos e depósitos a taxa variável. O juro aplicável é calculado a partir da taxa de juro nominal, que no caso da taxa variável corresponde à soma do valor do indexante com um spread. A Euribor é o indexante normalmente utilizado. Nos contratos de crédito, o valor do indexante é revisto com uma periodicidade igual à do prazo a que o mesmo se refere (por exemplo, Euribor a 3 meses, Euribor a 6 meses e Euribor a 12 meses).

O que é Spread?

Diferença entre os preços de oferta de venda e de compra de um determinado ativo ou instrumento. Termo também utilizado para referir a componente da taxa de juro, definida pela instituição de crédito, contrato a contrato, quando concede um financiamento a taxa variável. O spread acresce ao indexante e varia, nomeadamente, em função dos próprios custos de financiamento da instituição de crédito no mercado interbancário, do risco de crédito do cliente e do loan-to-value do empréstimo.

O que é TAN?

Taxa de juro anual nominal. Corresponde à taxa a que são cobrados os juros dos empréstimos. No caso dos empréstimos a taxa variável, a TAN corresponde ao valor do indexante acrescido do spread.

O que é TAEG?

Taxa anual de encargos efetiva global. Mede o custo total do crédito para o consumidor, expresso em percentagem anual do montante do crédito concedido. Distingue-se da TAE (taxa anual efetiva) por incluir os impostos associados ao empréstimo. A TAEG é a medida de custo utilizada no crédito à habitação, noutros créditos relativos a imóveis e no crédito aos consumidores.

O que é MTIC?

É o Montante Total Imputado ao Consumidor. Corresponde ao valor total que vai pagar pelo crédito, ou seja, a soma do custo total do crédito (juros, comissões, despesas, impostos e encargos de qualquer natureza, exceto os prémios de seguro de adesão facultativa) e do montante total do crédito concedido.

O que é FIN?

É a Ficha de Informação Normalizada. Documento padronizado pelo Banco de Portugal, para todas as instituições financeiras e bancárias, onde consta a informação detalhada relativa ao crédito e que permite comparar, de uma forma mais simples, diferentes ofertas de crédito.

O que é Direito de Revogação?

É a possibilidade dada ao cliente de, num prazo de 14 dias, contados a partir da data da celebração do contrato de crédito ou da receção de um exemplar do mesmo, desistir do crédito, sem necessidade de invocar qualquer motivo.

Para o exercício do direito de livre revogação, o cliente deve notificar a instituição da sua intenção, através de papel ou de outro suporte duradouro. Caso a contratação do Crédito Imediato seja feita através do BPI Net ou da App BPI, o cliente poderá, ainda, solicitar a revogação do contrato através do próprio canal.

Exercido o direito de livre revogação, o cliente dispõe de 30 dias para reembolsar o capital disponibilizado e os juros vencidos desde a data de disponibilização do mesmo até à sua efetiva restituição.

Podem ainda ser-lhe exigidas eventuais despesas suportadas pela instituição perante entidades da administração pública (por exemplo, impostos).

O que é Período de Carência?

É a possibilidade oferecida ao cliente de começar a amortizar a dívida posteriormente, por exemplo, possibilita que o cliente não tenha de pagar as prestações enquanto é ainda um estudante. Não obstem, no entanto, o pagamento mensal dos juros e prémio do seguro de vida (se for contratado).


 
Geral
Quem pode ter acesso ao Crédito Formação BPI?

Pelo menos um dos proponentes tem de estar a frequentar ou a iniciar a frequência de um curso de Licenciatura, Pós-Graduação (inclui MBA), Mestrado, Doutoramento ou Cursos de Piloto de Aviação em Portugal.

Ser residente em Portugal ou ter nacionalidade portuguesa.

Posso ter acesso ao Crédito Formação BPI sem ter conta no Banco BPI?

Pode. Para solicitar o empréstimo não necessita ter conta. Será aberta conta na altura da contratação.

Com que idade se pode recorrer ao crédito?

A idade do proponente deverá ser superior a 18 anos e inferior ou igual a 70 anos na data de vencimento do crédito proposto.

Quando terei de começar a amortizar a dívida?

O Crédito Formação BPI oferece a possibilidade de um período de carência mínimo de 12 meses e máximo de 6 meses + Duração do Curso (com um máximo de 60 meses, arredondado para um múltiplo de 12 meses.)

Período de carência significa que durante o mesmo não terá de pagar as prestações. Terá, no entanto, de pagar os juros e prémio do seguro de vida implícitos no contrato.

Que despesas são financiáveis pelo Crédito Formação BPI?

Despesas exclusivamente com cursos de Licenciaturas, Pós-Graduação (inclui MBA), Mestrados, Doutoramentos em Portugal ou no Estrangeiro e Cursos de Piloto de Aviação em Portugal:

  • Pagamento de Propinas;
  • Outras despesas de educação (viagens, estadias e material didático);
  • Computadores / material informático.

 

 

É obrigatório receber o valor total do empréstimo no inicio do contrato?

Não necessariamente. O BPI permite que o valor financiado seja libertado em tranches, isto é, de forma faseada. Estas tranches têm um valor mínimo de € 450. Esta modalidade de financiamento só é possível na existência de um período de carência e terá de ser programada na altura do contrato, onde terá explícito o calendário da libertação das tranches e os respetivos valores.


 
Montantes/Prazos
Qual o montante mínimo e máximo nas modalidades do Crédito Formação?

O montante mínimo é de € 1.000 e o máximo de € 75.000.
No caso de existir carência de capital, juros e Imposto do Selo, os máximos indicados incluem o financiamento dos juros e Imposto de Selo sobre os juros durante o período de carência.

O valor da minha prestação é fixo? Pode alterar ao longo do tempo?

Quando é contratada taxa fixa, as prestações são constantes até ao fim do contrato.

Qual o prazo mínimo e máximo do Crédito Formação?

Reembolso: O prazo mínimo é de 24 meses e o máximo de 120 meses, incluindo o período de carência.
Carência: um mínimo de 12 meses e um máximo igual à duração do curso + 6 meses, com limite máximo de 60 meses, arredondado para um múltiplo de 12 meses. O arredondamento pode ser por excesso ou por defeito, dependendo da opção do Cliente.

Quando posso ter uma resposta ao meu pedido de crédito?

No momento em que fizer o seu pedido ser-lhe-á dada, de imediato, uma decisão prévia.


 
Custos
No período de carência que custos terei de suportar?
  • Prestações mensais contratadas depois do período de carência, caso este exista;
  • Juros implícitos no contrato (3,50% - taxa fixa do Crédito Formação BPI);
  • Impostos:
    - Imposto do Selo sobre Utilização (a aplicar sobre cada utilização de capital): 0,128% por mês, para prazos inferiores a 1 ano e 1,6% para prazos >= 1 ano.
    - Imposto do Selo sobre as comissões e sobre os juros: 4%
Existe alguma despesa de abertura do contrato?

Sim. A comissão de abertura do Crédito Formação BPI é 0,5% sobre o valor financiado, com um máximo de € 450.

Existe alguma despesa cobrada no fim do contrato?

Não.


 
Documentação necessária
Que documentos necessito de apresentar?

Os documentos a apresentar para formalizar o contrato são:

  •  Cartão de Cidadão;
  •  Últimos 3 recibos de vencimento;
  •  Última declaração de IRS;
  •  Comprovativo de inscrição em curso de Licenciatura, Pós-Graduação (inclui MBA), Mestrado, Doutoramento ou Cursos de Piloto de Aviação em Portugal (ou carta de aceitação na instituição pretendida, com posterior entrega de um comprovativo de inscrição no curso).

 
Reembolsos
Qual o tipo e periodicidade das prestações de reembolso?

O reembolso do capital mutuados será efetuado em prestações mensais e constantes de capital e juros.

Em que dia do mês é debitada a prestação de reembolso?

O dia do mês para débito da prestação mensal de reembolso será o dia correspondente ao dia da celebração do contrato de Crédito Formação BPI.

No Crédito Formação BPI é possível fazer amortizações antecipadas?

Sim. Amortizações totais ou parciais são permitidas em qualquer altura do contrato.

Que comissões terei de pagar ao amortizar antecipadamente o crédito?

Comissão de reembolso antecipado:
 

Regime de Taxa - Fixa
Se prazo até ao termo do contrato >1 ano0,50% com limite máximo do Somatório dos juros vincendos
Se prazo até ao termo do contrato <1 ano0,25% com limite máximo do Somatório dos juros vincendos
Regime de Taxa - Variável
Isento

 

 

 


 
Seguros
Que seguros estão disponíveis no Crédito Formação?

Para o Crédito Formação o BPI apenas disponibiliza o Seguro de Vida da Allianz Portugal que garanta, pelo menos, 100% de cobertura do capital em dívida, em caso de Morte ou Invalidez Absoluta e Definitiva (IAD) do(s) proponentes(s).
O seguro de vida para o Crédito Formação é facultativo.

Em caso de Morte ou Invalidez Absoluta e Definitiva, o que é que o Seguro de Vida cobre?

No Crédito Formação BPI, o seguro cobre o capital financiado inicial. Em caso de sinistro, reverte para o Banco BPI a parte que cobre o valor em dívida à data do sinistro e o remanescente, se o houver, será pago aos herdeiros legais (no caso de Morte) ou à Pessoa Segura (em caso de Invalidez Absoluta e Definitiva).

Há algum limite para o número de Prestações a reembolsar no Seguro de Proteção ao Crédito?

No caso de Incapacidade Temporária Absoluta para o trabalho, por Acidente ou Doença ou Hospitalização são reembolsadas no máximo 36 prestações mensais. Na situação de Desemprego Involuntário são reembolsadas no máximo 6 prestações mensais consecutivas e na situação de salários em Salários em Atraso o limite são 6 prestações mensais. O limite máximo de meses indemnizáveis para o conjunto das coberturas e por contrato, com exceção da garantia de Salários em Atraso, é de 36 meses.


 
Garantias
É obrigatório apresentar algum tipo de garantia no Crédito Pessoal?

Sim. O Crédito Formação BPI pode ser garantido por livrança em branco e, eventualmente, aval de pessoa idónea, ou penhor de aplicações financeiras.