Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01147685

Linha de Apoio ao Setor Social Covid-19

O BPI, o Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social (IGFSS), a Sociedade Portuguesa de Garantia Mútua (SPGM) e as Sociedades de Garantia Mútua (SGM) apoiam as Entidades da Economia Social (EES), com o objetivo de facilitar o acesso a crédito em condições mais vantajosas  a estas entidades. 

Banco BPI | Empresas | Linha de Apoio ao Setor Social Covid-19

Banco BPI | Empresas | Linha de Apoio ao Setor Social Covid-19

Enquadramento

A Linha de Apoio ao Setor Social Covid-19, protocolada entre o Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social (IGFSS), a SPGM, as SGM (Garval, Lisgarante e Norgarante) e o BPI, é uma linha garantida, com uma dotação global de 165 milhões de euros e prazo de vigência até 31 de dezembro de 2020.

Esta linha surge na sequência das várias medidas de emergência definidas pelas autoridades de saúde internacionais e nacionais necessárias para conter a disseminação do vírus e que implicaram a imposição de restrições à circulação de pessoas e bens, com enorme impacto socioeconómico em muitos setores de atividade em Portugal, nomeadamente junto das Entidades da Economia Social (EES).

Vantagens

  • Acesso a crédito em condições protocoladas mais vantajosas;
  • Sem necessidade de aquisição ou penhor de ações da Sociedade de Garantia Mútua;
  • Simplificação do processo decisão e contratação: menos tempo e menor burocracia. 

Beneficiários

Entidades da Economia Social (EES) que sejam Instituições Particulares de Solidariedade Social ou entidades equiparadas sem fins lucrativos equiparadas a Micro e Pequenas e Médias Empresas (PME), tal como definido na Recomendação 2003/361/CE da Comissão Europeia, localizadas em território nacional.

Operações Elegíveis

Empréstimo a prazo fixo

  • Operações destinadas, exclusivamente, ao financiamento das necessidades de tesouraria.

Montante

Montante máximo de financiamento por beneficiário: 500 mil euros.

Prazo

Prazo máximo: até 6 anos 

Garantias

  • Garantia autónoma à primeira solicitação prestada pela SGM destinada a garantir até 90% do capital em dívida;
  • Não poderá ser exigido ao Cliente, nem pelo BPI nem pela SGM, qualquer tipo de aval ou garantia complementar (pessoal ou patrimonial). 

Para mais informações, contacte qualquer Balcão ou Centro de Empresas e Institucionais ou consulte bancobpi.pt/empresas.

Notas

A presente informação tem natureza publicitária e não dispensa a consulta de informação pré-contratual e contratual legalmente exigida, não constituindo uma proposta contratual.

Contratação sujeita a aprovação prévia das entidades envolvidas e sujeita às condições definidas em função do perfil de risco para cada operação.