Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01152286

BPI e Fundação "la Caixa" são os novos mecenas do Teatro Nacional D. Maria II

Uma parceria que tem como objetivo promover a igualdade no acesso à cultura.

BPI e Fundação ?la Caixa? são os novos mecenas do Teatro Nacional D. Maria II | Banco BPI

BPI e Fundação ?la Caixa? são os novos mecenas do Teatro Nacional D. Maria II | Banco BPI

Uma parceria que tem como objetivo promover a igualdade no acesso à cultura.

O BPI e a Fundação "la Caixa" são os novos mecenas do Teatro Nacional D. Maria II na Temporada 2020/2021.  Uma parceria que tem como objetivo promover a igualdade no acesso à cultura, através de projetos que permitam disseminar a prática teatral no território nacional.

O BPI e a Fundação "la Caixa" são agora mecenas dos projetos PANOS – palcos novos palavras novas e Próxima Cena. "A promoção do acesso a uma atividade teatral de qualidade, em todo o país e junto de vários públicos, é um dos principais objetivos do Teatro Nacional D. Maria II, no âmbito da sua missão de serviço público. Estamos muito satisfeitos por, na Temporada 2020/2021, podermos contar com o voto de confiança e o apoio do BPI e da Fundação "la Caixa", que nos ajudarão a levar mais teatro a todo o território nacional", refere Cláudia Belchior, Presidente do Conselho de Administração do Teatro Nacional D. Maria II.

Desenvolvido há cerca de 15 anos, primeiro na Culturgest e agora no D. Maria II, PANOS é um projeto coordenado por Sandro William Junqueira, que visa cruzar o teatro escolar e juvenil com as novas dramaturgias. Para isso, encomenda, anualmente, três peças originais a escritores reconhecidos, com o objetivo de serem depois representadas por adolescentes.

Em cada edição, centenas de jovens são chamados a participar no projeto com os seus grupos de teatro, encenando, ensaiando e estreando nas suas cidades um dos três textos propostos. Das dezenas de espetáculos que são criados anualmente um pouco por todo o país, seis são escolhidos por um júri para serem apresentados nos palcos do D. Maria II, no Festival PANOS. Esta Temporada, o Festival PANOS terá lugar de 7 a 9 de maio de 2021 e contará com encenações dos textos originais escritos por Dulce Maria Cardoso, Gonçalo Waddington e Pascal Rambert para o projeto.

Na Temporada 2020/2021, com o objetivo de promover a universalização do acesso à cultura e o desenvolvimento e valorização de públicos, o D. Maria II lançou ainda o novo projeto Próxima Cena, do qual são agora mecenas o BPI e a Fundação "la Caixa". Próxima Cena é um projeto que pretende levar teatro a territórios de baixa densidade populacional, numa lógica de descentralização do trabalho teatral realizado no país. O projeto arranca com Pranto de Maria Parda, uma encenação de Miguel Fragata a partir do clássico de Gil Vicente, que tem estreia marcada para março de 2021 em Tondela, seguindo depois para Ponte de Lima, Vinhais e Ponta Delgada.

O BPI e a Fundação "la Caixa" associam-se, assim, ao Teatro Nacional D. Maria II nesta Temporada 2020/2021, tornando-se mecenas dos projetos PANOS e Próxima Cena. A Fundação "la Caixa" iniciou a sua implantação em Portugal em 2018, consequência da entrada do BPI no CaixaBank. Em 2019, a Fundação destinou 20 milhões de euros a projetos sociais, de investigação, educativos e de divulgação cultural e científica, mantendo o compromisso de alcançar um investimento de até 50 milhões de euros anuais nos próximos anos, quando todos os seus programas estiverem implementados e a funcionar em pleno.