Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01152475

Protocolo com Universidade de Coimbra para criação de Gabinete de Curiosidades

A Fundação "la Caixa" assina protocolo com a Universidade de Coimbra para apoiar, em colaboração com o BPI, a criação de um Gabinete de Curiosidades no Museu da Ciência da Universidade de Coimbra.

Protocolo com Universidade de Coimbra para criação de Gabinete de Curiosidades

Protocolo com Universidade de Coimbra para criação de Gabinete de Curiosidades

A Fundação “la Caixa” assina protocolo com a Universidade de Coimbra para apoiar, em colaboração com o BPI, a criação de um Gabinete de Curiosidades no Museu da Ciência da Universidade de Coimbra.

O Presidente Honorário do BPI e Curador da Fundação "la Caixa" em Portugal, Artur Santos Silva, e o Reitor da Universidade Coimbra, Amílcar Falcão, assinaram um protocolo para formalizar o apoio do BPI e da Fundação "la Caixa" à criação de um Gabinete de Curiosidades no Museu da Ciência da Universidade de Coimbra.

Os Gabinetes de Curiosidades são espaços onde durante a época das grandes explorações e descobrimentos dos séculos XVI e XVII se expunham diversos objetos raros ou estranhos dos três ramos da biologia - animal, vegetal e mineral -, bem como artefactos feitos pelo homem.   encontrados no período das grandes explorações e descobrimentos. Precursores dos Museus, estes espaços começaram a desaparecer nos séculos seguintes.
 
O Museu da Ciência da Universidade de Coimbra pretende constituir-se como um centro de referência na difusão da cultura científica e tecnológica e, com o apoio do BPI e da Fundação "la Caixa", espera que a criação deste novo espaço permita transformar e modernizar o Museu, permitindo-lhe chegar a novos públicos de forma inovadora e pedagógica, lançando em Portugal aquele que seria o único espaço com estas características.

"A Universidade de Coimbra possui um vastíssimo acervo de objetos resultantes das diversas vivências dos últimos sete séculos provenientes das suas atividades de investigação e docência. Enormes quantidades de objetos de todos os tipos, que deixaram de ter uma utilidade direta e que, por opção, por esquecimento ou por qualquer outra razão, chegaram até nós. O conhecimento da origem e da sua história foi perdido ou esquecido, embora muitos destes objetos mantenham a sua nobreza, continuando a exercer fascínio a quem os observa. E este é o motivo principal da criação deste Gabinete de Curiosidades, para que se possa observar a história e imaginar os seus enigmas", comenta Paulo Trincão, diretor-adjunto do Museu da Ciência da Universidade de Coimbra e responsável pelo Gabinete de Curiosidades.

Um Gabinete de Curiosidades que apresentará num só local "todo o mundo", com objetos antigos, organizados de forma a transladar os visitantes a um ambiente quase mágico. Neste espaço, cada objeto será  devidamente trabalhado por uma correta iluminação cénica, com o intuito de abrir portas para a vontade de conhecer e sentir o universo do seu exotismo e beleza através da conjugação de imagens do mundo.

O Museu da Ciência da Universidade de Coimbra, considerado o primeiro museu em Portugal, detém o mais antigo núcleo museológico português de história natural e instrumentos científicos, indissociável do património edificado de matriz Jesuíta e Pombalina, ao qual se associam outras coleções que refletem a evolução da Universidade de Coimbra e a sua influência em Portugal e no mundo.

Parte do acervo do Museu pode também ser visitado nas salas originais do Laboratório Chimico e do antigo Colégio de Jesus. No MCUC encontra-se também o espólio académico e as coleções do antigo Museu Nacional da Ciência e da Técnica (MNCT).

O projeto do Gabinete de Curiosidades está previsto abrir ao público no inicio de 2021.

O Museu da Ciência da Universidade de Coimbra inclui-se no património da "Universidade de Coimbra Alta e Sofia", classificado pela UNESCO, em 2013, como património mundial.