Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01101058

1ª edição do Prémio Nacional de Turismo recebe 464 candidaturas

Iniciativa conjunta do BPI e do Expresso vai premiar empresas, projetos públicos e personalidades pelo seu contributo para o setor do turismo.

1ª edição do Prémio Nacional de Turismo recebe 464 candidaturas | Banco BPI

1ª edição do Prémio Nacional de Turismo recebe 464 candidaturas | Banco BPI

Iniciativa conjunta do BPI e do Expresso vai premiar empresas, projetos públicos e personalidades pelo seu contributo para o setor do turismo.

A 1ª edição do Prémio Nacional de Turismo (PNT2019), organizado em parceria entre o BPI e o semanário Expresso, recebeu um total de 464 candidaturas de empresas turísticas de todo o país. Deste total, 45% dizem respeito a Alojamento, 35% a Restauração e 20% a Serviços Turísticos. Foram também efetuadas 78 nomeações destinadas aos prémios das categorias especiais: "Turismo Responsável", "Projeto Inovador", "Projeto Público" e "Carreira".

Estes excelentes resultados, na primeira edição do Prémio, superam as melhores expectativas e demonstram bem a pertinência da iniciativa e o interesse do setor do turismo na mesma, tendo sido determinante para este sucesso, o envolvimento dos vários stakeholders do setor, nomeadamente as Regiões de Turismo e as principais Associações do Turismo.

Durante os meses de junho e julho terá lugar o processo de avaliação assegurado pela Deloitte, entidade que atribuirá pontuação a todos os candidatos e em todas as categorias dos prémios, e, no mês de setembro, serão realizadas as reuniões dos comités e do júri, constituído por representantes de diferentes quadrantes da sociedade portuguesa, que irão eleger os grandes vencedores da 1ª edição do Prémio Nacional de Turismo.

Pedro Barreto, Administrador de Empresas e Institucionais do BPI, classifica os resultados alcançados como "muito, muito positivos e bem demonstrativos da relevância desta iniciativa para todas as entidades que atuam no setor do turismo em Portugal". Acrescenta ainda que, "tal como na Agricultura, em que o BPI ocupa há vários anos uma posição de liderança, também no Turismo queremos ser reconhecidos como o Banco do Turismo em Portugal, um setor cada vez mais decisivo para o nosso País, como bem demonstra a eleição, pela terceira vez consecutiva, de Portugal como o melhor destino turístico europeu, no âmbito dos World Travel Awards."