Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01173479

9ª edição Prémio BPI Fundação "la Caixa" Seniores

BPI e Fundação "la Caixa" destinam 1 milhão de euros para ação social dirigida a idosos em situação vulnerável.

9ª edição Prémio BPI Fundação "la Caixa" Seniores | Banco BPI

9ª edição Prémio BPI Fundação

BPI e Fundação ?la Caixa? destinam 1 milhão de euros para ação social dirigida a idosos em situação vulnerável.

  • 9ª edição do Prémio Seniores com reforço de dotação para dar resposta às necessidades sociais acrescidas resultantes da pandemia.
  • Confinamento e o distanciamento social exigidos para reduzir a taxa de contágio aumentaram as dificuldades das pessoas mais velhas, com impacto na sua vida quotidiana, mobilidade física e saúde mental.
  • Instituições privadas sem fins lucrativos podem candidatar os seus projetos para melhorar a qualidade vida das pessoas com +65 anos até 10 de maio deste ano.
  • Desde 2010, o BPI e a Fundação "la Caixa" entregaram 19 milhões de euros para a execução de mais de 600 projetos de inclusão social que contribuíram para melhorar a vida de mais de 150 mil portugueses.


O BPI e a Fundação "la Caixa" lançam hoje a 9ª edição do Prémio Seniores, uma iniciativa que tem como finalidade a promoção da autonomia pessoal e o bem-estar das pessoas com mais de 65 anos, com especial enfoque no fortalecimento das relações interpessoais e na prevenção de situações de fragilidade e vulnerabilidade.

Este ano, o Prémio Seniores conta com uma dotação global de 1 milhão de euros. O objetivo é apoiar um maior número de projetos sociais dirigidos a uma das faixas etárias mais vulneráveis da sociedade portuguesa. O confinamento e o distanciamento social exigidos para reduzir a taxa de contágio aumentaram as dificuldades das pessoas mais velhas em aspetos chave, como a atividade física, a acessibilidade digital e as relações sociais, o que implicou um agravamento das situações de fragilidade, de doença e de dependência.

"Depois do grande problema sanitário associado à pandemia, os mais velhos viram também muito dificultado o apoio de que necessitam no cuidado de outras doenças e no acesso a respostas sociais para combater a inatividade e a solidão", começou por dizer António Barreto, presidente do júri dos Prémios BPI Fundação "la Caixa". "Muitas dessas pessoas não têm recursos económicos suficientes para poder satisfazer as suas necessidades de forma adequada. O prémio que estamos hoje a lançar visa acelerar a chegada dos apoios ao terreno, através do financiamento de projetos que promovam a qualidade de vida, a autonomia e o bem-estar destas pessoas que já tanto deram ao país", concluiu.

As medidas de combate à pandemia tiveram o efeito indesejado de aumentar a solidão das pessoas mais velhas, reforçando a importância de se ter em conta os fatores psicossociais e promover as relações interpessoais, bem como aumentar a sua participação social e incentivar a atividade física. Com efeito, uma das causas da solidão emocional e social é o défice de relacionamentos significativos e o progressivo isolamento face à comunidade.

Nesse contexto, o Prémio Seniores vai privilegiar projetos de ofereçam respostas sociais nas seguintes áreas de atuação:

  • Promoção da autonomia pessoal e apoio às atividades da vida quotidiana e prevenção da fragilidade.
  • Prevenção e intervenção em situações de solidão não desejada, isolamento social e digital.
  • Envelhecimento ativo e saudável: promoção de hábitos de vida saudáveis e incentivo de ações comunitárias e do voluntariado.
  • Melhoria da qualidade de vida das pessoas em situação de dependência, doença crónica ou cuidados paliativos.

Podem candidatar-se até 10 de maio deste ano todas as instituições privadas sem fins lucrativos que apresentem projetos sólidos e inovadores nesta área.

Criado em 2013, o Prémio Seniores atribuiu 5,3 milhões de euros a 218 projetos. Em 2020 foram atribuídos 750 mil euros a 24 projetos.

As entidades interessadas podem obter mais informação no site do BPI e da Fundação "la Caixa"

Nos próximos meses serão abertas as candidaturas aos Prémios BPI Fundação "la Caixa" Infância e Rural.

5 Prémios BPI Fundação "la Caixa" com reforço da dotação para €4 milhões

Os Prémios BPI Fundação "la Caixa" destinam-se a apoiar projetos de instituições sociais sem fins lucrativos que promovam a melhoria da qualidade de vida das pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Através de 5 Prémios que atuam em diferentes áreas são apoiados projetos sustentáveis, de elevada qualidade e com impacto direto na vida das pessoas que mais precisam. A seleção destes projetos é baseada numa avaliação objetiva e transparente, tendo em conta as linhas prioritárias definidas e o impacto social.

Nos últimos onze anos, estes prémios atribuíram 19 milhões de euros a mais de 600 projetos de instituições sociais que têm contribuído para a melhorar a vida de mais de 150 mil pessoas.

Em 2021, os Prémios BPI Fundação "la Caixa" - Capacitar, Solidário, Seniores, Infância e Rural - reforçam a dotação para 4 milhões de euros para ajudar a mitigar os efeitos da pandemia em 5 áreas de intervenção distintas.