Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01069252

BPI é o "Banco Oficial das Seleções" e patrocinador da 1ª Liga feminina até 2022

BPI é o “Banco Oficial das Seleções” e patrocinador da 1ª Liga feminina até 2022 | Banco BPI

BPI é o “Banco Oficial das Seleções” e patrocinador da 1ª Liga feminina até 2022 | Banco BPI

  • O Presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes, e o Presidente Executivo do BPI, Pablo Forero, assinaram hoje o acordo para os próximos quatro anos, com efeitos a partir de agosto
  • Além do patrocínio às seleções A e sub-21 masculinas e à seleção A feminina, o BPI vai também apoiar as seleções jovens e dinamizar, em conjunto com a FPF, várias iniciativas de Responsabilidade Social
  • O BPI será igualmente o patrocinador principal da 1ª Liga de futebol feminino, que passará a denominar-se "Liga BPI"

O BPI assinou um acordo com a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e tornou-se o "Banco Oficial das Seleções". O BPI é patrocinador oficial das seleções A masculinas e femininas e da seleção sub21 até 2022. O Banco será igualmente o patrocinador principal da 1ª Liga de futebol feminino, que passará a denominar-se "Liga BPI".

O acordo, assinado hoje na Cidade do Futebol pelo presidente da FPF, Fernando Gomes, e pelo Presidente Executivo do BPI, Pablo Forero, também inclui o apoio às seleções jovens, bem como ações conjuntas de Responsabilidade Social Corporativa (RSC).

Para o Presidente Executivo do BPI, Pablo Forero, "este acordo representa para o BPI uma oportunidade de implementar uma estratégia de patrocínio a longo-prazo e beneficiar do crescimento do negócio através do poder agregador e social do futebol. Queremos trazer mais famílias para apoiar as seleções, através da oferta de experiências e vantagens exclusivas aos nossos Clientes. Além disso, o compromisso social que une as duas entidades também dará origem a iniciativas conjuntas de responsabilidade social que favoreçam a inclusão através do futebol. Estou convicto que o BPI vai consolidar-se como parceiro financeiro a longo-prazo da FPF".

Por seu lado, Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), considera que "o que nos liga de agora em diante ao BPI é muito mais do que uma parceria comercial. Ligam-nos os valores comuns às duas instituições e a ambição de, nas nossas áreas de ação, contribuirmos para o desenvolvimento social, desportivo e económico do país. Liga-nos ainda a ambição de querermos sempre ir mais longe. A ambição de nos superarmos e irmos mais além do que já conquistámos no futebol português e com as Seleções Nacionais. Sabemos que estaremos na estrada do sucesso quando partilhamos o caminho com parceiros tão fiáveis, experientes e solidários como o BPI".

No âmbito do acordo, o BPI contará com um leque de contrapartidas que inclui direitos de imagem coletivos, pacotes de hospitalidade para Clientes do Banco e publicidade nos diferentes canais de promoção da Federação. O Banco estreia-se como patrocinador no próximo jogo da Seleção A feminina, a 30 de agosto. A partida integra-se na fase de qualificação para o Mundial Feminino de 2019. 

460x526_FPF_site-imagem_02

Principal competição do futebol feminino passa a denominar-se "Liga BPI"

O BPI será também o patrocinador principal da 1ª Liga de futebol feminino, uma competição em franco crescimento e que atrai cada vez mais espectadores. Deste modo, o ‘naming’ da competição passa a ser "Liga BPI".

Para Fernando Gomes "é muito importante sublinhar a aposta do BPI no futebol feminino. Juntos vamos procurar dar ainda novo impulso ao crescimento sustentado das últimas épocas. Se alguém disse uma vez que a vitória está na luta, prometemos que juntos nos vamos bater por mais recordes em Portugal, no que respeita a números de praticantes, audiências televisivas ou assistências nas bancadas portuguesas."

Pablo Forero sublinhou que "o BPI está profundamente empenhado, em conjunto com a Federação, em apoiar o crescimento do futebol feminino em Portugal e contribuir para criar condições para aumentar o número de jovens praticantes".