Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01151100

Conjunto de Vinhos Quinta do Crasto

Aproveite as condições de Crédito BPI para adquirir um conjunto de vinhos da Quinta do Crasto.

O Pack da Quinta do Crasto é constituído por 14 garrafas de Vinho e é apresentado num baú personalizado em madeira com o logo da Quinta.

Zoom

Quinta do Crasto - Bau Aberto

Zoom

Quinta do Crasto Touriga Franca 2016

Zoom

Quinta do Crasto Touriga Nacional 2016

Zoom

Quinta do Crasto Tinta Roriz 2014

Zoom

Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2017

Zoom

Crasto Superior Tinto 2017

Zoom

Crasto Superior Syrah Tinto 2017

Zoom

Roquette & Cazes 2018

Zoom

Quinta do Crasto - Bau Fechado

Zoom

Quinta do Crasto - Bau Embalagens

Zoom

Quinta do Crasto - Bau Pormenor

  • 1 Quinta do Crasto Touriga Franca 2016 (750ml)
  • 1 Quinta do Crasto Touriga Nacional 2016 (750ml)
  • 1 Quinta do Crasto Tinta Roriz 2014 (750ml)
  • 2 Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2017 (750ml)
  • 2 Crasto Superior Tinto 2017 (750ml)
  • 2 Crasto Superior Syrah Tinto 2017 (750ml)
  • 4 Roquette & Cazes 2018 (750ml)

Condições de Financiamento

O produto só pode ser adquirido com o seu Cartão de Crédito BPI (Particular ou Empresa).

A TAEG/TAE é variável em função do Cartão de Crédito BPI utilizado para pagamento.

Cartão BPI - TAEG 13,0%, TAN 8,50%, comissão de disponibilização do cartão € 20.
Cartão BPI Gold - TAEG 15,3%, TAN 9,32%, comissão de disponibilização do cartão € 50.
Cartão Premier - TAEG 13,9%, TAN 9,75%, comissão de disponibilização do cartão € 29,97.
Cartão BPI Prémio - TAEG 13,7%, TAN 10,14%, comissão de disponibilização do cartão € 14.
Cartão ACP Master - TAEG 12,49, TAN 7,41%, comissão de disponibilização do cartão € 24.
Cartão BPI Zoom - TAEG 14,3% a 15,3%, TAN 10,5% a 11,33%, comissão de disponibilização do cartão € 0,00.

TAEG calculadas para uma utilização de crédito de € 1.500 (exceto para o Cartão BPI Gold e para o Cartão Premier, em que o exemplo é de € 2.500), para as Comissões de disponibilização acima referidas e reembolso em 12 prestações iguais de capital, acrescidas de juros às TAN acima referidas e dos impostos legais em vigor.  A taxa de juro é calculada com base em 360 dias, sem arredondamento.
Taxas válidas até 31/12/2020.

Cartão BPI Business e BPI Corporate TAE versões Classic: 19,8%, TAN 16%, Comissão de disponibilização € 30, TAE versões Gold: 21,6 %, TAN 16%, Comissão de disponibilização € 50.

TAE calculada, para um exemplo de crédito de € 1.500, TAN e Comissões de disponibilização referidas, prazo de 12 meses e reembolso único no final do prazo, nos termos do DL 220/94. A taxa de juro é calculada com base em 360 dias, sem arredondamento.

O valor do PVP será processado como uma transação de compra no extrato do seu cartão de crédito e o pagamento será realizado de acordo com a modalidade de pagamento definida.

O BPI reserva-se o direito de não processar o pedido, caso o seu cartão não se encontre em situação regular.

Campanha limitada ao stock existente.

PVP: â‚¬ 395,00

Outras Características

Quinta do Crasto Touriga Franca 2016

Castas: Touriga Franca

Vinificação: As uvas, provenientes dos melhores talhões de Touriga Franca da Quinta do Crasto, foram transportadas em caixas de 22 Kg de capacidade e sujeitas a uma rigorosa triagem à entrada da adega. Após um desengace total e um ligeiro esmagamento, o mosto foi transferido para cubas de fermentação em aço inox com temperatura controlada. No final da fermentação alcoólica, procedeu-se a uma prensagem suave.

Envelhecimento: Quinta do Crasto Touriga Franca 2016 estagiou em barricas de carvalho francês onde permaneceu 18 meses.

Nota de Prova: Apresenta uma cor violeta carregada. No nariz, impressiona pela sua intensidade e concentração de aromas de frutos vermelhos em perfeita harmonia com suaves notas florais. Na prova de boca apresenta um início intenso, evoluindo para um vinho de perfil elegante, com excelente volume de boca e taninos de textura sedosa, tudo muito bem integrado com notas de frutos vermelhos. Termina em perfeito equilíbrio, com uma extraordinária persistência e cheio de frescura. Um vinho que reflete na perfeição, a identidade da casta.

Teor de Álcool: 14%

Prémios / Referências:
TF 2016 – 16,5+ Pontos por Jancis Robinson (UK / 2020)
TF 2016 – 93 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA / 2019)
TF 2016 – 93 Pontos na Revista Decanter (UK / 2019)
TF 2016 – 18,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT / 2019)
TF 2016 – 18,5 Pontos + Altamente Recomendado na Revista de Vinhos (PT / 2019)
TF 2016 – Commended Medal - Sommelier Wine Awards 2020 (UK / 2020)

Quinta do Crasto Touriga Nacional 2016

Castas: Touriga Nacional

Vinificação: As uvas, provenientes dos melhores talhões de Touriga Nacional da Quinta do Crasto, foram transportadas em caixas de 22 kg de capacidade e sujeitas a uma rigorosa triagem à entrada daadega. Após um desengace total e um ligeiro esmagamento, o mosto foi transferido para cubas de fermentação em aço inox com temperatura controlada. No final da fermentação alcoólica, procedeu-se a uma prensagem suave.

Envelhecimento: Quinta do Crasto Touriga Nacional 2016 estagiou em barricas de carvalho francês onde permaneceu 18 meses.

Nota de Prova: O Quinta do Crasto Touriga Nacional é vinho uma cor violeta carregada, apresentando no nariz elegantes notas de violeta, em perfeita sintonia com suaves notas de especiaria fresca e frutos silvestres do Douro. Inicia a prova de boca de forma harmoniosa, evoluindo para um vinho de com excelente volume e taninos de textura fina muito bem casados com aromas de violeta. Um vinho envolvente que espelha toda a identidade da Touriga Nacional e que termina com excelente frescura e persistência.

Teor de Álcool: 13,5%

Prémios & Referências:
TN 2016 – 16,5+ Pontos por Jancis Robinson (UK / 2020)
TN 2016 – Platinum Medal no Texsom International Wine Awards (EUA / 2020)
TN 2016 – 95 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA / 2019)
TN 2016 – 95 Pontos na Revista Decanter (UK / 2019)
TN 2016 – 18,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT / 2019)
TN 2016 – 18 Pontos + Altmente Recomendado na Revista de Vinhos (PT)
TN 2016 – Silver Medal - Sommelier Wine Awards 2019 (UK)
TN 2015 – 94 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TN 2015 – Vinho do Ano / Melhor Varietal Tinto / Medalha de Grande Ouro, Concurso Vinhos de Portugal 2018 (PT)
TN 2015 – 17 Pontos (2019) por Jancis Robinson (UK)
TN 2015 – 18,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT)
TN 2012 – 95 Pontos na Wine Spectator (EUA)
TN 2011 – 95 Pontos na Wine Spectator (EUA)
TN 2011 – 95 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TN 2011 – 1º Lugar – Categoria Premium - Concurso BASF Nectar DiVino 2013 (DE)
TN 2010 – 93 Pontos na Wine Spectator (EUA)
TN 2010 – 94 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TN 2006 – 93 Pontos na Wine Spectator (EUA)
TN 2005 – 94 Pontos na Wine Spectator (EUA)
TN 2005 - Gold Medal + Trophy no Decanter World Wine Awards 2006 (UK)
TN 2004 – 96 Pontos na Wine Spectator (EUA)

Quinta do Crasto Tinta Roriz 2014

Castas: Tinta Roriz

Vinificação: As uvas, provenientes dos melhores talhões de Tinta Roriz da Quinta do Crasto, foram transportadas em caixas de 22Kg de capacidade e sujeitas a uma rigorosa triagem à entrada da adega. Após um desengace total e um ligeiro esmagamento. O mosto foi transferido para cubas de fermentação em aço inox com temperatura controlada. No final da fermentação alcoólica procedeu-se a uma prensagem suave.

Envelhecimento: Quinta do Crasto Tinta Roriz 2014 estagiou 16 meses em barricas novas de carvalho francês.

Nota de Prova: Apresenta uma cor opaca, violeta carregada. No nariz, revela excelente intensidade aromática onde se destaca notas de frutos maduros, notas frescas de esteva, que lembram mentol. Aroma muito complexo e envolvente. Na boca, apresenta um início poderoso, evoluindo para um vinho de grande volume, taninos massivos mas de textura elegante. Um vinho muito gastronómico de cariz sedutor que termina equilibrado e persistente.

Teor de Álcool: 14,5%

Prémios & Referências:
TR 2017 – 95-97 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (USA / 2020)
TR 2016 – 16,5++ Pontos por Jancis Robinson (UK / 2020)
TR 2016 – 18 Pontos na Revista de Vinhos (PT)
TR 2016 – 96 Pontos na Revista Decanter (UK / 2019)
TR 2015 – 18,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT / 2019)
TR 2015 – 94 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TR 2015 – 17,5 Pontos por Jancis Robinson (UK / 2019)
TR 2014 – 92 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TR 2014 – Medalha de Grande Ouro no Concurso Vinhos de Portugal 2017 (PT)
TR 2013 – 93 pontos na Wine Spectator (EUA)
TR 2013 – 95 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TR 2013 – 94 Pontos e Cellar Selection na Wine Enthusiast Magazine (EUA)
TR 2012 – 93 Pontos na Wine Spectator (EUA)
TR 2012 – 92 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TR 2011 – 94 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TR 2010 – 92 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TR 2010 – 91 Pontos na Wine Spectator (EUA)
TR 2003 – 93 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
TR 2003 – 92 Pontos na Wine Spectator (EUA)
TR 2003 - GOLD MEDAL + TROPHY no Decanter Magazine World Wine Awards 2004 (UK)
TR 1999 – 94 Pontos na Wine Spectator (EUA / 2019)
TR 1999 – 93 Pontos na Wine Spectator (EUA)

Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2017

Castas: Vinhas Velhas (mistura de 25 a 30 diferentes variedades)

Vinificação: As uvas provenientes de Vinhas Velhas, foram transportadas em caixas de 22 kg de plástico alimentar e sujeitas a uma rigorosa triagem em mesa de escolha à entrada da adega. Após um desengace total e um ligeiro esmagamento o mosto foi transferido para cubas de fermentação em aço inox com temperatura controlada. Após o final da fermentação alcoólica, as uvas são prensadas suavemente em prensas hidráulicas.

Envelhecimento: Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2017 estagiou em barricas de carvalho francês (85%) e carvalho americano (15%), onde permaneceu cerca de 18 meses.

Nota de Prova: De cor ruby carregado, impressiona no nariz pela sua extraordinária frescura e complexidade, onde nos podemos perder numa sinfonia de frescos aromas de bosque, onde se destacam frescas notas de esteva, e sedutores aromas de frutos silvestres do Douro. Na boca apresenta um início elegante, evoluindo para um vinho de excelente volume e estrutura solida, onde encontramos taninos de textura complexa. Um vinho envolvente que termina equilibrado, fresco e muito persistente. Um vinho de uma extraordinária complexidade que reflete ma íntegra a essência das vinhas velhas da Quinta do Crasto.

Teor de Álcool: 14%

Prémios / Referências:
RVV 2017 – 18 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT / 2020)
RVV 2017 – 17 Pontos por Jancis Robinson (UK / 2020)
RVV 2017 – 93 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA / 2020)
RVV 2016 – Gold Medal no Texsom International Wine Awards (EUA / 2020)
RVV 2016 – 17,5 Pontos na Revista de Vinhos (PT / 2019)
RVV 2016 – 18 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT / 2019)
RVV 2016 – 93+ Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA / 2019)
RVV 2015 – 94 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
RVV 2015 – 94 Pontos na Wine Spectator (EUA)
RVV 2015 – 17,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT)
RVV 2014 – Melhor Vinho Tinto / Medalha de Grande Ouro no Concurso Vinhos de Portugal 2017 (PT)
RVV 2014 – Gold Medal no International Wine Challenge (UK)
RVV 2013 – 94 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
RVV 2013 – 94 Pontos na Wine Enthusiast Magazine (EUA)
RVV 2012 – 94 Pontos na Wine Spectator (EUA)
RVV 2012 – Gold Medal - Sommelier Wine Awards 2015 (UK)
RVV 2011 – 94 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
RVV 2011 – 95 pontos – Tasted Journal (Viniportugal) (PT)
RVV 2011 – 94 Pontos na Wine Enthusiast Magazine (EUA)
RVV 2010 – 93 Pontos - Top 100 2013 na Wine Spectator (EUA)
RVV 2007 – 94 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
RVV 2005 – 95 Pontos - Top 100 2008 – 3º Lugar na Wine Spectator (EUA)

Crasto Superior Tinto 2017

Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Souzão

Vinificação: As uvas, provenientes da nossa Quinta da Cabreira, no Douro Superior, foram transportadas em caixas de plástico alimentar e sujeitas a uma rigorosa triagem à entrada da adega. Após um desengace total e um ligeiro esmagamento o mosto foi transferido para cubas de fermentação em aço inox com temperatura controlada.

Envelhecimento: Crasto Superior estagiou em barricas de carvalho francês, onde permaneceu cerca de 12 meses.

Nota de Prova: De cor violeta carregado, apresenta aromas de frutos silvestres, em perfeita sintonia com frescas notas de bosque e especiaria fina. Na boca, inicia de forma elegante, evoluindo para um vinho de excelente volume e estrutura sólida, onde encontramos taninos sedosos envolvidos por notas de frutos silvestres. Um vinho cativante, bem representativo da identidade singular do Douro Superior, que termina de forma harmoniosa e com excelente persistência.

Teor de Álcool: 14%

Prémios & Referências:
CST 2016 – 91 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA / 2019)
CST 2016 – 16,5 Pontos na Revista de Vinhos (PT / 2019)
CST 2016 – 17,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT / 2019)
CST 2016 – 15,5 Pontos por Jancis Robinson (UK / 2019)
CST 2015 – 91 Pontos na Wine Spectator (EUA / 2018)
CST 2015 – 91 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
CST 2015 – Medalha de Ouro – 7º Festival do Vinho do Douro Superior (PT)
CST 2015 – Silver Medal - Sommelier Wine Awards 2018 (UK)
CST 2015 – 17 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT)
CST 2014 – 90 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
CST 2014 – Medalha de Prata no Concurso Vinhos de Portugal 2017 (PT)
CSS 2014 – Bronze Medal - Sommelier Wine Awards 2017 (UK)
CST 2014 – 91 Pontos no Tasted 100% Blind (UK)
CST 2013 – 91 Pontos na Wine Enthusiast Magazine (EUA)
CST 2013 – Medalha de Ouro - IV Festival do Vinho do Douro Superior (PT)
CST 2012 – 93 Pontos – Top 100 2015 – 25º Lugar na Wine Spectator (EUA)
CST 2012 – 90 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
CST 2012 – Silver Medal - Sommelier Wine Awards 2015 (UK)
CST 2011 – 92 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
CST 2011 – 91 Pontos na Wine Enthusiast Magazine (EUA)
CST 2011 – Medalha de Grande Ouro no Concurso Nacional de Vinhos (PT)

Crasto Superior Syrah Tinto 2017

Castas: 97% Syrah; 3% Viogner

Vinificação: As uvas, provenientes da nossa Quinta da Cabreira no Douro Superior, foram transportadas em caixas de plástico alimentar e sujeitas a uma rigorosa triagem à entrada da adega. Após um desengace total e um ligeiro esmagamento o mosto foi transferido para cubas de fermentação em aço inox com temperatura controlada.

Envelhecimento: O Crasto Superior Syrah estagiou em barricas de carvalho francês, onde permaneceu cerca de 16 meses.

Nota de Prova: De cor Ruby carregado, de excelente expressão aromática que surpreende no nariz pelas intensas notas florais, bem integradas com aromas de frutos silvestres maduros e especiaria fina. Na boca inicia de forma harmoniosa, evoluindo para um vinho de grande seriedade, onde encontramos uma estrutura compacta, de taninos de textura fina. Termina elegante, com um excelente potencial de envelhecimento em garrafa.

Teor de Álcool: 14,5%.

Prémios / Referências:
CSS 2017 – 90+ Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA / 2020)
CSS 2017 – 18 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT/2020)
CSS 2017 – Bronze Medal - Sommelier Wine Awards 2020 (UK / 2020)
CSS 2017 – 15,5 Pontos por Jancis Robinson (UK / 2020)
CSS 2016 – 16,5 Pontos na Revista de Vinhos (PT / 2019)
CSS 2016 –17,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT / 2019)
CSS 2016 – 90 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA / 2019)
CSS 2016 – Melhor Vinho categoria "Douro Tinto" – 8º Festival Vinho do Douro Superior (PT / 2019)
CSS 2015 – 90 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
CSS 2015 – Gold Medal - Sommelier Wine Awards 2019 (UK)
CSS 2015 – Bronze Medal - Sommelier Wine Awards 2018 (UK)
CSS 2015 – 17,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT)
CSS 2015 – 1º Lugar – Categoria Premium - Concurso BASF Nectar DiVino 2017 (DE)
CSS 2014 – 90 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
CSS 2014 – Medalha de Ouro - VI Festival do Vinho do Douro Superior (PT)
CSS 2013 – 90 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
CSS 2013 – 92 Pontos na Wine Enthusiast Magazine (EUA)

Roquette & Cazes 2018

Castas: 60% Touriga nacional, 25% Touriga Franca, 15% Tinta Roriz

Vinificação: Todas as uvas são vindimadas manualmente e provêm exclusivamente da sub-região do Cima Corgo e da sub-região do Douro Superior. À chegada da Adega, passam na mesa de escolha onde é feita uma seleção minuciosa; posteriormente são desengaçadas, suavemente esmagadas e transferidas para cubas de fermentação em inox de formato troncocónico, onde iniciam a fermentação alcoólica com temperatura controlada. Durante o processo de fermentação é utilizada a técnica francesa de "delestage" que, quando efetuada em cubas de formato troncocónico, tem como objetivo principal aumentar a superfície de contacto pelicular no momento em que o mosto/vinho é lixiviado por cima das massas (chapéu). Como resultado obtém-se um vinho concentrado e complexo, que respeita a elegância e foge à rusticidade.

Estágio: O Roquette & Cazes 2018 estagiou em barricas de carvalho francês, onde permaneceu cerca de 18 meses.

Nota de Prova: De cor rubi carregada o Roquette & Cazes 2018 apresenta no nariz uma excelente complexidade aromática, com notas de frutos vermelhos muito limpos, elegantes especiarias e suaves notas balsâmicas. Inicia a prova em boca de forma muito elegante, evoluindo para um vinho de excelente volume e estrutura composta por taninos de textura aveludada. Um vinho muito envolvente, que termina muito fresco e persistente.

Teor de Álcool: 14%

Prémios & Referências:
R&C 2017 – 92 Pontos na Revista Fugas (PT / 2020)
R&C 2017 – 17,5 Pontos na Revista Grandes Escolhas (PT / 2020)
R&C 2017 – 17 Pontos por Jancis Robinson (UK /2020)
R&C 2015 – Commended Medal - Sommelier Wine Awards 2020 (UK / 2020)
R&C 2014 - 90 Pontos na Wine Spectator (EUA)
R&C 2014 – Silver Medal no International Wine Challenge (UK)
R&C 2013 – 91 Pontos na Wine Advocate de Robert Parker (EUA)
R&C 2013 - Medalha de Prata no Concurso Vinhos de Portugal (PT)
R&C 2012 – 17,5 Pontos por Jancis Robinson (UK)
R&C 2012 - Medalha de Prata no Concurso Vinhos de Portugal (PT)
R&C 2011 - Medalha de Prata no Concurso Vinhos de Portugal (PT)
R&C 2007 - 91 Pontos na Wine Spectator (EUA)
R&C 2007 – Top Ten Expovinis (Brasil)
R&C 2007 - Medalha de Ouro no Concurso Nacional de Vinhos (PT)
R&C 2006 - 94 Pontos na International Wine Review (EUA)

Ofertas
Entrega, Cancelamento e Devolução
Fornecedor
Logótipo Quinta do Crasto