Saltar para o conteúdo
Content ID: PR_WCS01_UCM01005806

Prémio BPI "la Caixa" Seniores

Prémio BPI

Para apoiar projetos que visem a melhoria da qualidade de vida e o envelhecimento ativo de pessoas com idade superior a 65 anos.

Prémio BPI la Caixa Seniores
Siga-nos no Facebook
 
Prémio BPI la Caixa Seniores 2019

O BPI e a Fundação "la Caixa" lançam a 8ª edição do Prémio Seniores, um prémio para apoiar projetos que promovam o envelhecimento ativo, saudável e em casa, de pessoas com idade superior a 65 anos em situação de vulnerabilidade social.

O valor do Prémio Seniores é de 750 mil euros e podem candidatar-se todas as instituições privadas sem fins lucrativos que apresentem projetos sólidos e inovadores nesta área.

Criado em 2013, o Prémio Seniores atribuiu 4,5 milhões de euros a 194 projetos.

O Prémio Seniores foi adaptado ao contexto atual, apoiando projetos que apresentem respostas concretas para acompanhar as pessoas afetadas pela crise provocada pela pandemia do Coronavírus.


Candidaturas

De 17 de março a 11 de maio (até às 23h59).
(Alargado o prazo de candidatura face ao atual contexto de crise provocada pela pandemia do Coronavírus).

Cada entidade promotora só pode apresentar 1 candidatura por Prémio, candidaturas a 2 Prémios e só poderá ser premiada uma vez em cada edição.

Na edição 2020, são 5 os Prémios que se distinguem entre si, pelo seu âmbito de atuação - Prémio Infância, Solidário, Seniores, Capacitar e Rural.

A quem se destina

A todas as instituições privadas sem fins lucrativos, com sede ou delegação legalmente constituída em Portugal ou com núcleos com autonomia comprovada, há pelo menos um ano, com projetos que visem a melhoria da qualidade de vida e a igualdade de oportunidades de pessoas com mais de 65 anos em situação de vulnerabilidade social.

Prémio

O apoio financeiro poderá ser até 85% do custo total do projeto, com os seguintes limites máximos de comparticipação:

Apoio 1 ano 2 anos
Sem parceria 40.000€ 80.000€
Com parceria 60.000€ 120.000€

Critérios de avaliação

Todas as candidaturas serão avaliadas e selecionadas de acordo com os seguintes critérios:

  • Qualidade - tendo em conta a experiência da instituição e programação do projeto;
  • Sustentabilidade - com base na solidez económica da entidade e adequação dos recursos do projeto;
  • Relevância - tendo em conta a inovação e impacto social esperado.

Terão valorização adicional candidaturas que apresentem projetos com as seguintes caraterísticas:

  • Em parceria com uma ou mais entidades - em que a complementaridade permite otimizar os recursos do projeto;
  • De humanização da saúde - em especial projetos que promovam o apoio a cuidados paliativos, sendo esta uma das prioridades da ação da Fundação "la Caixa" em Portugal.

Ações prioritárias

São consideradas prioritárias para efeitos de seleção de candidaturas as ações que visam solução para os seguintes temas:

  • Envelhecimento saudável - assegurar necessidades básicas e promover a humanização da saúde em situações de sofrimento;
  • Envelhecimento ativo - fomentar ações que retardem a degradação física, cognitiva, emocional e social;
  • Envelhecimento em casa – promover serviços domiciliários, transporte, apoio a cuidadores, segurança e apoio com ajudas técnicas.

Enquadramento

Os Prémios BPI "la Caixa" regem-se por um regulamento único que tem como suporte documentos de apoio à candidatura de caráter vinculativo. São 5 os Prémios, com diferentes prazos de candidatura diferentes e que se distinguem entre si, pelo seu âmbito de atuação.

Estado

Candidaturas encerradas.

Como se candidatar

As candidaturas são efetuadas on-line, em www.premiosbpilacaixa.pt, efetuando os seguintes passos:

  1. Registo prévio das entidades promotoras e entidades parceiras, submetendo um processo de acreditação. Note-se que:
    i) entidades com candidaturas anteriores, já se encontram acreditadas, devendo validar e atualizar a informação, se necessário.
    ii) entidades que se candidatam pela primeira vez em 2020, devem submeter um novo processo de acreditação.
  2. Preencher o formulário de candidatura e anexar toda a documentação necessária.

Documentação

A candidatura exige a aceitação das condições do regulamento do prémio. Antes de se candidatar consulte o regulamento e toda a documentação de apoio de carater vinculativo (informação a disponibilizar até 28 de janeiro):

Regulamento
Lista de Documentos a entregar
Guia de apoio
Perguntas Frequentes

Júri

O Júri, nomeado pelo BPI e pela Fundação "la Caixa" para os 5 Prémios, é composto pelos seguintes elementos:

  • António Barreto - Presidente do Júri
  • António Seruca Salgado
  • Carlos Farinha Rodrigues
  • Marc Simon Martinez
  • Rafael Chueca Blasco

Contactos

(disponível das 8h às 20h)
premiosbpi.lacaixa@bancobpi.pt
800 22 33 44

Projetos Premiados 2019

Associação das Cozinhas Económicas Rainha Santa Isabel

Atividades para a inclusão

  • Criar oficinas com atividades lúdicas e de aprendizagem que ajudem as pessoas de mais idade a manterem-se ativas física e mentalmente;
  • Reforçar a autoestima dos beneficiários e combater a solidão através da manutenção de um refeitório, centro de dia e apoio domiciliário.

Coimbra | € 40.000

 

Associação das Cozinhas Económicas Rainha Santa Isabel
 

Associação de Solidariedade Social de Ponte de Sor

Seniores em Movimento

  • Equipar um espaço para sessões de fisioterapia e dança destinado a seniores reforçando a convivência social e reduzindo os seus custos com a saúde;
  • Promover atividades físicas para melhorar a forma, motricidade, movimento e alegria.

Ponte de Sor | € 23.000

 

Associação de Solidariedade Social de Ponte de Sor
 

Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Leça do Balio

Criar rede comunitária de apoio

  • Construir uma rede de sinalizadores que junte as autoridades locais, estabelecimentos de comércio e outras entidades, para identificar e sinalizar seniores em risco de isolamento;
  • Centrar a atenção da comunidade nos idosos em situação vulnerável.

Matosinhos | € 9.960

 

Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Leça do Balio
 

Associação Humanitária Os Amigos de Colmeias

Instalar sistemas de teleassistência

  • Prevenir as quedas e assegurar uma assistência mais rápida em caso de emergência;
  • Instalar sistemas de teleassistência e implementar um programa de estimulação cognitiva e sensorial recorrendo a tecnologias inovadoras.

Leiria | € 16.200

 

Associação Humanitária Os Amigos de Colmeias
 

Associação Paços 2000

Apoiar um envelhecimento ativo

  • Reabilitar uma escola inativa equipando-a para melhorar a condição física dos utentes, pela prática do exercício físico regular e outras atividades de convívio;
  • Conta com o apoio das freguesias para identificar e transportar os seniores para palestras educativas e informativas sobre temas da terceira idade e atividades de prevenção.

Paços de Ferreira | € 55.630

 

Associação Paços 2000
 

Associação Portuguesa de Familiares e Amigos de Doentes de Alzheimer

Apoiar o cuidador no domicílio

  • Implementar um serviço domiciliário inovador para apoiar em simultâneo cuidadores e pessoas com demência;
  • Dar apoio psicológico, tempo e bem-estar aos cuidadores para melhorar a sua qualidade de vida e criar um manual de apoio ao cuidador e à pessoa com demência.

Lisboa | € 40.000

 

Associação Portuguesa de Familiares e Amigos de Doentes de Alzheimer
 

Casa do Povo de Vilarinho dos Freires

Circuito de manutenção

  • Construir um parque e um circuito de manutenção com atividades regulares de promoção do envelhecimento ativo e combate ao isolamento;
  • Proporcionar aos idosos da comunidade novas formas de agir e sentir o meio ambiente envolvente.

Peso da Régua | € 12.760

 

Casa do Povo de Vilarinho dos Freires
 

Centro Comunitário de Esmoriz

Fomentar a autonomia

  • Aumentar a segurança, o conforto e a mobilidade no dia a dia no domicílio, prevenindo quedas e acidentes domésticos;
  • Criar um serviço de teleassistência e de outras respostas para fomentar a autonomia e a participação social de seniores.

Ovar | € 45.640

 

Centro Comunitário de Esmoriz
 

Centro de Bem Estar Social de Vale de Figueira

Formar cuidadores informais

  • Dotar cuidadores informais, também eles envelhecidos, de competências para cuidar dos seus dependentes com problemas de saúde;
  • Alargar o número de beneficiários abrangidos pelo serviço ao domicílio e disponibilizar um kit para medição de sinais vitais.

Santarém | € 32.330

 

Centro de Bem Estar Social de Vale de Figueira
 

Centro Humanitário de Macieira de Rates

Capacitar cuidadores

  • Criar Serviço de Apoio ao Cuidador Informal para formar os cuidadores capacitando-os para reconhecer o seu bem-estar como objetivo legítimo;
  • Aumentar os conhecimentos sobre a doença, criar grupos de ajuda mútua e dinamizar um sistema alargado de apoio ao cuidador.

Barcelos | € 37.530

 

Centro Humanitário de Macieira de Rates
 

Centro Paroquial de São Bernardo

Juntar gerações

  • Instalar um parque para seniores junto a um parque infantil e campo de jogos para promover o exercício físico e fomentar o respeito intergeracional e o convívio;
  • Promover uma visão positiva sobre o envelhecimento junto dos mais novos.

Aveiro | € 6.800

 

Centro Paroquial de São Bernardo
 

Centro Social Cultural e Recreativo das freguesias de Messegães, Valadares e Sá

Estimulação cognitiva com tecnologias

  • Equipar espaços para a realização de sessões de terapia ocupacional e estimulação cognitiva com recurso à tecnologia;
  • Melhorar as capacidades motoras e cognitivas dos utentes através de Pilates Clínico e da reabilitação.

Monção | € 37.790

 

Centro Social Cultural e Recreativo das freguesias de Messegães, Valadares e Sá
 

Centro Social da Paróquia de S. Salvador de Grijó

Terapia ocupacional e fisioterapia

  • Promover o envelhecimento ativo através de terapia ocupacional e fisioterapia para capacitar os utentes de autonomia e independência;
  • Fomentar a permanência do sénior no domicílio, capacitando-o através de um plano de reabilitação individual.

Vila Nova de Gaia | € 13.270

 

Centro Social da Paróquia de S. Salvador de Grijó
 

Centro Social do Vale do Homem

Resposta social para as demências

  • Criar resposta social especializada para as demências e o alzheimer promovendo a socialização e o bem-estar dos utentes;
  • Instalar salas dedicadas a atividades terapêuticas, como cromoterapia, musicoterapia, aromaterapia ou novas tecnologias.

Vila Verde | € 36.970

 

Centro Social do Vale do Homem
 

Centro Social e Cultural de S. Pedro do Bairro

Circuito de exercícios

  • Construir um circuito ao ar livre adequado a seniores com equipamentos para exercício intelectual, sensorial e físico;
  • Promover uma vida mais ativa e autónoma e uma maior interação sociofamiliar para os utentes.

Vila Nova de Famalicão | € 30.000

 

Centro Social e Cultural de S. Pedro do Bairro
 

Centro Social Paroquial da Lourinhã

Resposta domiciliária para seniores dependentes

  • Apoio domiciliário para dar resposta a seniores em situação de dependência;
  • Prestação de serviços que vão incluir fisioterapia, sessões de musicoterapia e transporte para atividades de hidroterapia.

Lisboa | € 39.190

 

Centro Social Paroquial da Lourinhã
 

Centro Social Paroquial de Nossa Senhora do Amparo de Benfica

Estimular através da realidade virtual

  • Dinamizar atividades de estimulação para retardar a deterioração das competências físicas, cognitivas e emocionais;
  • Melhorar o bem-estar usando equipamentos adequados e inovadores, como é o caso da realidade virtual, para promover relações interpessoais e intergeracionais.

Lisboa | € 25.850

 

Centro Social Paroquial de Nossa Senhora do Amparo de Benfica
 

Centro Social Paroquial de Requião

Apoio ao cuidador

  • Criação de um gabinete de apoio ao cuidador para dar resposta às suas necessidades com informação sobre a saúde e resolução de temas administrativos;
  • Oferecer respostas criativas, lúdicas, desportivas e de saúde a todos os cuidadores informais.

Vila Nova de Famalicão | € 26.880

 

Centro Social Paroquial de Requião
 

Centro Social Paroquial de São Romão de Carnaxide

Hidroterapia para Seniores

  • Alargar utilização de tanque terapêutico para permitir que novos utentes possam beneficiar de hidroterapia;
  • Promover a prevenção das quedas e a manutenção do equilíbrio.

Oeiras | € 10.770

 

Centro Social Paroquial de São Romão de Carnaxide
 

Centro Social, Cultural e Recreativo de Carregosa

Envelhecer bem

  • Dinamizar projeto de animação socioafetiva e relacional com atividades ocupacionais e de desenvolvimento pessoal para apoiar a permanência do sénior no domicílio;
  • Retardar a diminuição das aptidões físicas com atividades proporcionando um papel mais integrado na sociedade.

Oliveira de Azeméis | € 34.720

 

Centro Social, Cultural e Recreativo de Carregosa
 

Cruz Vermelha Portuguesa - Delegação de Coimbra

Estimulação sensorial inovadora

  • Apoiar pessoas com demência, em situação de vulnerabilidade social, e seus cuidadores;
  • Criar uma resposta especializada ao domicílio com recurso a técnicas inovadoras de estimulação sensorial, como por exemplo a terapia snozelen, entre outras.

Coimbra | € 30.910

 

Cruz Vermelha Portuguesa - Delegação de Coimbra
 

Irmandade da Santa Casa da Misericórdia de Resende

Capacitar para a autonomia

  • Possibilitar o transporte de seniores em situação de isolamento para atividades lúdicas e terapêuticas, incluindo atividades desportivas e cuidados de beleza;
  • Motivar à vida saudável na terceira idade, através da aquisição e manutenção de capacidades de autonomia diária.

Resende | € 30.020

 

Irmandade da Santa Casa da Misericórdia de Resende
 

Probranca - Associação para o Desenvolvimento Sócio-Cultural da Branca

Promover competências diárias

  • Possibilitar a permanência dos seniores nas suas casas e no seio da rede sociofamiliar, ajudando-as a ultrapassar as dificuldades nas rotinas diárias;
  • Criar planos individuais de intervenção para cada sénior e de formação para os cuidadores.

Albergaria-a-Velha | € 34.040

 

Probranca - Associação para o Desenvolvimento Sócio-Cultural da Branca
 

Santa Casa da Misericórdia de Sesimbra

Prevenção em saúde

  • Disponibilizar serviços de reabilitação e estimulação cognitiva e física, com prestação do serviço domiciliário quando necessário;
  • Intervir na prevenção na área da saúde e beneficiar utentes da instituição e restante população sénior, do concelho.

Sesimbra | € 18.000

 

Santa Casa da Misericórdia de Sesimbra
 

Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra

Estimular a autonomia em casa

  • Criar serviço de apoio ao domicílio com equipa multidisciplinar que dará respostas de fisioterapia, animação, enfermagem e acompanhamento psicossocial;
  • Combater o isolamento e estimular a autonomia para superar as limitações impostas pela idade.

Vale de Cambra | € 27.580

 

Santa Casa da Misericórdia de Vale de Cambra
 

Santa Casa da Misericórdia de Vila Velha de Ródão

Criar banco de equipamentos

  • Proporcionar ajudas técnicas a seniores socialmente desfavorecidos que habitem nas suas residências;
  • Criar um banco de equipamentos gratuito a toda a comunidade, incluindo cadeiras de rodas, canadianas, camas articuladas, andarilhos, entre outros.

Vila Velha de Rodão | € 8.430

 

Santa Casa da Misericórdia de Vila Velha de Ródão
 

STC - Associação Serve the City Portugal

Dinamizar a relação intergeracional

  • Dinamizar iniciativas que promovam o contacto através de visitas solidárias ao domicílio, criação de chás comunitários e ateliers, sempre com o apoio de uma rede de voluntários;
  • Combater o isolamento social e promover o envelhecimento ativo e a inclusão.

Lisboa | € 25.730

 

STC - Associação Serve the City Portugal
 
Projetos Premiados 2018
Projetos Premiados 2017
Projetos Premiados 2016
Projetos Premiados 2015
Projetos Premiados 2014
Projetos Premiados 2013